Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

McFaul: saída dos EUA do Tratado INF é "nova batalha" com a Rússia

McFaul: saída dos EUA do Tratado INF é "nova batalha" com a Rússia
Tamanho do texto Aa Aa

O anúncio da intenção dos Estados Unidos de se retirarem do Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermédio, conhecido como Tratado INF, causou descontentamento e preocupação em vários aliados.

A euronews falou com o ex-embaixador norte-americano na Rússia, Michael McFaul, considerado o "arquiteto" da política russa da anterior administração Obama, que defende que uma retirada será um duro golpe para a segurança nacional.

Michael McFaul: "Temos uma capacidade marítima muito superior, por isso por que razão é que devemos abrir uma nova frente de batalha num terreno onde não temos vantagem? Temo que não tenhamos a capacidade para implantar essas novas armas porque, primeiro, não as temos e, segundo, quem as vai querer? Quem vai querer entrar em confrontação direta com a Rússia a respeito destes mísseis? Talvez algum dos nossos aliados mais recentes na NATO, mas foi extremamente difícil para Ronald Reagan implantar os mísseis 'Pershing' nos anos 80 e penso que será ainda mais difícil implantar estes mísseis, quando ninguém compreende realmente qual é o fim em termos do equilíbrio estratégico com a Rússia."

A França e a Alemanha consideram o Tratado INF crucial para a segurança europeia. O porta-voz do governo alemão diz que Berlim lamenta a decisão de Donald Trump:

"Vamos participar quando a NATO aumentar a sua capacidade de defesa, mas sempre estendemos a nossa mão ao diálogo com a Rússia e isso não vai mudar."

A Alemanha prometeu debater a decisão norte-americana com os aliados. Mas também há países europeus que apoiam a saída dos Estados Unidos do Tratado, como é o caso do Reino Unido e da Polónia.