A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Bruxelas: "Coletes amarelos" na capital política da Europa

Bruxelas: "Coletes amarelos" na capital política da Europa
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Os "coletes amarelos" também saíram às ruas de Bruxelas - a capital política da Europa. Dezenas de pessoas foram presas nos protestos na cidade belga.

"Vim aqui hoje para fazer uma manifestação pacífica, como toda a gente aqui. Prenderam-nos sem razão. É um escândalo e nós não estamos na Síria, nem na Coreia do Norte, nem em Cuba. Isto está a acontecer em Bruxelas, a capital europeia... É uma vergonha, uma vergonha", disse um dos manifestantes.

Os manifestantes acabaram por ser barrados por um forte dispositivo policial montado para proteger as instituições da União Europeia.

Um outro participante nos protestos disse que: "as políticas do governo estão a afetar os mais pobres, os que têm mais dinheiro ficam cada vez mais ricos e as pessoas da Bélgica estão a lutar para sobreviver até o final do mês, porque há sempre novos impostos."

A polícia acabou por travar a manifestação, mas os "coletes amarelos" prometeram voltar às ruas de Bruxelas.