Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Grécia: Parlamento vota na terça-feira moção de confiança ao governo

Grécia: Parlamento vota na terça-feira moção de confiança ao governo
Direitos de autor
ΑΠΕ-ΜΠΕ/Αλέξανδρος Μπελτές/φωτογραφία αρχείου
Tamanho do texto Aa Aa

É já na terça-feira que os deputados gregos vão decidir se dão, ou não, a confiança ao governo de Alexis Tsipras.

O primeiro-ministro pediu um voto de confiança ao parlamento na sequência da demissão do ministro da Defesa, líder dos nacionalistas do ANEL que decidiu abandonar o governo e a coligação, na sequência do acordo sobre o novo nome da Macedónia.

"É com coração muito pesado que dizemos "não" ao governo, pelos menos aqueles de nós que saíram. Manter a nossa confiança era como dar a confiança ao acordo Prespa, entregar o termo Macedónia. Isto seria como voltar as costas ao espírito do nosso movimento e ao nosso mandato", afirmou Panos Kammenos, em conferência de imprensa.

O apoio deste parceiro de coligação significava para o chefe do governo sete votos no parlamento. Tsipras pediu 151 votos ou, disse, convoca eleições antecipadas.

Para fazer aprovar o acordo sobre o novo nome da república da Macedónia são precisos os mesmos 151 votos. Difícil, mas o ministro macedónio dos Negócios Estrangeiros, , Nikola Dimitrov, mantém-se otimista:

"Estive em contacto com o meu colega Giorgos Katrougalos e ele garantiu-me que o governo grego mantém-se fortemente empenhado, de acordo com o interesse nacional, em completar o trabalho sobre o acordo Prespa".

O maior partido da oposição, a "Nova Democracia", acusa Tsipras e Kammenos de protagonizarem um divórcio encenado e diz que quem apoiar o primeiro-ministro assume responsabilidades históricas.

Enquanto isto, está marcada uma nova manifestação de protesto contra o acordo Prespa em Atenas.