Última hora

Milhares marcham em Itália contra o racismo

Milhares marcham em Itália contra o racismo
Tamanho do texto Aa Aa

Cerca de 200 mil italianos participaram este sábado, em Milão, numa marcha contra o racismo. Pessoas de várias gerações, famílias, líderes sindicais e líderes políticos marcaram presença na iniciativa com o lema “Primeiro as Pessoas”.

Segundo a organização, o grande objetivo da marcha foi pedir ao governo “inclusão e igualdade em vez de políticas do medo e de discriminação”.

Os manifestantes dizem que receber é uma boa acão e que a diversidade enriquece o país. Sublinham que as pessoas são mais importantes do que os lucros, diferenças e identidades e que têm direitos que devem ser sempre respeitados.

O autarca de Milão, Giuseppe Sala, classificou a marcha como “a visão que o centro-esquerda tem de Itália”, por oposição ao govern.

A manifestação foi organizada por centenas de associações, sindicatos e organizações não-governamentais, entre elas os Médicos Sem Fronteiras e a Amnistia Internacional.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.