Última hora

Última hora

Califórnia vai suspender pena de morte

Califórnia vai suspender pena de morte
Direitos de autor
Kyodo/File Photo via REUTERS
Tamanho do texto Aa Aa

O Governador da Califórnia pretende suspender a pena de morte naquele estado norte-americano, beneficiando 737 prisioneiros no "corredor da morte".

Gavin Newsom pretende ratificar, esta quarta-feira, um decreto que permite acabar com aplicação da injeção letal e vai levar ao encerramento da sala de execuções da prisão de San Quentin, nos arredores de São Francisco.

Para Newsom, "a pena de morte é inconsistente com os valores fundamentais e afeta o coração do que significa ser um californiano".

A pena de morte, nos Estados Unidos da América, é permitida em 30 dos 50 estados.

Aos poucos, o país vai abolindo a pena capital. Em outubro, do ano passado o Supremo Tribunal do estado de Washington decidiu que a pena de morte é inconstitucional.

Segundo o Governador da Califórnia, o estado alberga 25% de todos os condenados à morte no país. A última execução, no estado, ocorreu em 2006.