Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Macron mobiliza força antiterrorismo em Paris

Macron mobiliza força antiterrorismo em Paris
Direitos de autor
REUTERS/Benoit Tessier
Tamanho do texto Aa Aa

O ato 19 da saga dos coletes amarelos em França tem como principal enredo dispositivos de segurança considerados extremos para tentar refrear a violência que marcou o último fim de semana em Paris.

As imagens de destruição, que incluíram um histórico restaurante nos Campos Elíseos, levaram as autoridades francesas a anunciar a entrada em cena de uma unidade antiterrorismo conhecida como Sentinela.

"A guerra está declarada", escrevia-se nas redes sociais entre mais apelos à contestação. Emmanuel Macron garante que esses militares têm como única função proteger os edifícios públicos mais relevantes.

O governo proibiu manifestações nalguns dos pontos mais carismáticos de Paris, mas também Bordéus, Toulouse, Nice, entre outros.

A ministra da Justiça francesa, Nicole Belloubet, declarou que será "impiedosa" com os que forem longe demais.