A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Britânicos de Valência preocupados com o Brexit

Britânicos de Valência preocupados com o Brexit
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Cristina Giner, euronews: " O Brexit deu mais uma reviravolta e a incerteza continua. Theresa May pôs o cargo à disposição, em troca da aprovação do seu plano com a União Europeia. Aqui, em Alicante, onde vivem mais de 100.000 cidadãos britânicos, a situação gera muita expectativa e inquietação. Os governos britânico e espanhol assinaram recentemente um acordo para os seus residentes possam continuar a votar e a apresentar-se como candidatos nas eleições municipais. É o caso de Carol Sanders, que vive há trinta anos em Espanha e é conselheira do Partido Popular na autarquia de Calpé há oito anos. Olá Carol, qual é a sua opinião acerca desta última novidade [sobre Theresa May]?"

Carole Sanders: "É terrível, estamos num limbo e não sabemos o que vai acontecer agora... Não chegaram a nenhum acordo com as opções apresentadas... Não sei... É uma vergonha, na realidade."

Cristina Giner: "O que pensa que pode acontecer agora?"

Carole Sanders: "Não sei... Penso que nos estamos a aproximar cada vez mais de um segundo referendo. Tenho falado com muitas pessoas, que dizem que querem votar outra vez e que se votam novamente, vão votar para ficar [na União Europeia] em vez de sair, porque agora percebem melhor o que pode acontecer e já não estão de acordo."

Cristina Giner: "Falou com o consulado recentemente. Qual é atualmente a maior preocupação para os residentes britânicos?"

Carole Sanders: "A primeira é a saúde, porque ainda não foi assinado um acordo com o governo espanhol... Neste momento, o Reino Unido paga à Espanha para cuidar dos britânicos aqui e, mais ou menos, todos os britânicos estão contentes com os cuidados de saúde na região de Valência. Outro problema com que nos deparamos agora e que falei com o consulado, que o confirmou, é que a polícia nacional tem rejeitado dar novas autorizações de residência aos britânicos. Em princípio, podem conseguir residência até 29 de março, mas já começaram a rejeitar as autorizações, o que é complicado para os que querem comprar casa e ficar aqui. São duas coisas muito importantes e estou muito preocupada."

Cristina Giner: "Muito obrigado pela opinião. Nós continuaremos a falar com pessoas aqui, na região de Valência, na nossa 'road-trip' europeia."