Um porto de abrigo para primatas em Girona

Um porto de abrigo para primatas em Girona
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Fundação Mona acolhe chimpanzés e macacos com percursos de vida traumáticos

PUBLICIDADE

Sem caçadores furtivos ou perigos à espreita, na Fundação Mona, em Girona, Espanha, chimpanzés e macacos tentam retomar uma vida normal.

Com histórias diferentes mas igualmente dolorosas, os primatas recebem neste centro de reabilitação um tratamento de cinco estrelas para que o passado negro fique decididamente para trás.

"O que é ser feliz? Acredito que para um chimpanzé que viveu um trauma, que foi capturado na selva, que ficou sem mãe, isolado, e que viveu com outra espécie que não a sua, este lugar poderá representar a felicidade porque pode decidir onde está, tem um grupo social da sua espécie com o qual se pode relacionar e tem um acompanhamento por parte de cuidadores", explica Olga Feliu, fundadora e diretora da Fundação Mona.

Tom, Coco e Bea foram os três primeiros chimpanzés a chegar à Fundação. Juanito nasceu em Tenerife e foi separado da mãe.

Nesta instituição, veterinários e cuidadores certificam-se de que todos estão de boa saúde e recuperam das vidas traumáticas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Espanha vai acabar com os vistos gold para investidores imobiliários estrangeiros

Só em janeiro, Canárias receberam mais migrantes do que na primeira metade de 2023

Navio de cruzeiro com 1500 passageiros retido em Barcelona porque 69 bolivianos têm vistos falsos