EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Marcha pelos filhos "desaparecidos" no dia da mãe

Marcha pelos filhos "desaparecidos" no dia da mãe
Direitos de autor REUTERS/Edgard Garrido
Direitos de autor REUTERS/Edgard Garrido
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

No México, estima-se que 40 mil pessoas tenham desaparecido nos últimos 13 anos por causa da violência associada ao tráfico de droga

PUBLICIDADE

O dia da mãe no México foi este ano assinalado na rua por milhares de pessoas. Um dia pelos filhos desaparecidos, apanhados nas malhas da guerra do tráfico de droga no país.

Estima-se que 40 mil pessoas tenham desaparecido desde 2006.

Para Mónica Orozoco, uma mulher que procura o filho há quatro anos, nada há para celebrar no dia da mãe. Por isso pede às autoridades que "ouçam as famílias e investiguem os desaparecimentos".

O dia da mãe é celebrado no México sempre a 10 de maio.

Em 2018, a violência no país disparou. O número de homicídios atingiu um novo recorde, mas os três primeiros meses deste ano foram ainda mais mortíferos que igual periodo de 2018.

Raros são os desaparecidos que são encontrados pelas autoridades. No interior do país já foram detectadas várias valas comuns, com cadáveres que não chegaram a ser identificados.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

'Sicários' fazem 13 mortos em ataque a festa privada em Veracruz

México pede perdão a familiares de jovens sequestrados e assassinados

Claudia Sheinbaum vence eleições e será primeira mulher presidente do México