Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

EUA suspendem sanções à Huawei por 90 dias

EUA suspendem sanções à Huawei por 90 dias
Direitos de autor
REUTERS/Dado Ruvic
Tamanho do texto Aa Aa

Depois da tempestade, a água na fervura. Os Estados Unidos suspenderam por 90 dias as sanções à Huawei. Um período transitório de adaptação, antes de a companhia chinesa de telecomunicações e os parceiros comerciais perderem o direito de usar componentes e programas informáticos norte-americanos.

A guerra comercial está a deixar os consumidores apreensivos. Há quem lembre que os telemóveis não são feitos para durar muito tempo e quem, apesar de não acreditar em grandes mudanças, admita gostar de ter sido alertado para a situação, antes de ter comprado um novo equipamento.

A Huawei já reagiu à notícia. O fundador da empresa diz que os Estados Unidos "subestimaram a força" do grupo e prometeu não deixar Washington afetar o desenvolvimento da rede 5G.