Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Danúbio dá tréguas para mergulho de resgate

Danúbio dá tréguas para mergulho de resgate
Tamanho do texto Aa Aa

Mergulhadores da marinha sul-coreana realizaram o primeiro mergulho de resgate no Danúbio, depois do acidente com um barco que fez sete mortos e deixou 21 desaparecidos. Entre as 35 pessoas a bordo, 33 eram turistas da Coreia do Sul.

A recuperação dos corpos tem sido dificultada pelas chuvas e as correntes fortes do rio. Para contornar o elevado nível das águas, a equipa de resgate criou um escudo debaixo de água.

Só esta segunda-feira foram registadas condições para o mergulho até à embarcação afundada a nove metros de profundidade.

O esforço para encontrar os corpos extravasou fronteiras. Para além das equipas húngara e sul-coreana, estão também no terreno especialistas da República Checa, Áustria e Noruega.

Das vítimas sabe-se que tinham entre os 40 e os 50 anos. No entanto, do grupo faziam também parte uma criança de seis anos e um homem à volta dos 70 anos de idade. Nenhuma das sete vítimas mortais já encontradas usava colete de salvamento.