Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

ONG atraca em Lampedusa e desafia decreto de Salvini

ONG atraca em Lampedusa e desafia decreto de Salvini
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Contra as ordens do ministro do Interior, Matteo Salvini, uma embarcação com 41 migrantes a bordo, atracou no porto italiano de Lampedusa, na Sicília.

À espera tinha um forte dispositivo policial que impediu o desembarque dos migrantes. Apenas um foi retirado da embarcação por se encontrar bastante doente.

O veleiro "Alex" desafiou o decreto de Salvini que prevê multas de até 50 mil euros para o capitão, operador ou proprietário de um navio que entrem em águas territoriais italianas sem autorização.

O ministro italiano do Interior já reagiu de forma irónica a esta acostagem.

"Desde ontem que tenho perdido tempo a lidar com outra ONG teimosa que na semana passada não quis ir para a Tunísia e agora não quer ir para Malta. Acho que devem dizer-nos quando estão a sair, se preferem ir para a Costa Amalfitana, a Costa do Adriático, a Riviera Francesa ou mesmo Cinque Terre, para que possamos organizar algumas férias para essas ONG."

Com 65 migrantes a bordo, está também a caminho de Lampedusa a embarcação da ONG Sea Eye.

As duas embarcações violaram o decreto de Salvini porque dizem não ter condições para chegar até Malta.