Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Quarta etapa do Rali Rota da Seda: vitória dupla para a Toyota e tripla para a MAZ

Quarta etapa do Rali Rota da Seda: vitória dupla para a Toyota e tripla para a MAZ
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Na quarta etapa do Rali Rota da Seda, os pilotos enfrentaram a primeira parte de uma maratona de 470 quilómetros, o percurso mais longo da corrida, desenhado em redor de Ulan Bator.

Motocicletas: mais percalços

Os problemas não tardaram. Em motocicletas, a russa Anastasia Nifontova (Husqvarna F450RR) teve um acidente a meio caminho, tendo sido assistida por paramédicos, que suspeitam de uma fratura da clavícula, e levada de helicóptero para o hospital.

O vencedor de ontem, Kevin Benavides (Monster Energy Honda Team) , quebrou o travão dianteiro, que não só lhe custou 18 minutos, como teve que acabar o percurso com um só travão, de acordo com as regras da maratona, que não permitem a assitência mecânica. O argentino terminou na décima segunda posição.

O britânico Sam Sunderland (Red Bull KTM Factory) foi o vencedor da etapa.

“Foi um dia longo, uma etapa muito rápida. Foi difícil manter a concentração e , a certa altura, começou a chover, o que diminuíu a visibilidade. Mas sentia-me bem e a navegação foi boa. Foi uma etapa boa mas como não sabemos como serão as próximas, é difícil definir uma estratégia.”
Sam Sunderland

O português Paulo Gonçalves (HERO MOTOSPORTS Team Rally) terminou hoje em nono, a 11m49s de Sam Sunderland, ocupando agora o oitavo posto da classificação geral das motos.

“Foi um longo dia com 470 km para ser feito em tachas muito rápidas. A moto funcionou muito bem e não tive problemas hoje em dia. Estou me sentindo bem e pronto no próximo estágio e continuarei me esforçando para fazer melhor e melhor.”
Paulo Gonçalves

Vitória dupla para a Toyota em carros

Em carros a vitória foi dupla para a Toyota, com mais uma etapa no bolso para Nasser Al-Attiyah (Toyota Gazoo), seguido do holandês Eric Van Loon (Overdrive Racing). Kun Liu (Shanxi Yunxiang Qimosport) terminou na terceira posição, subindo para segundo na classificação geral. Kun Liu é um de seis pilotos chineses que terminaram hoje no top 10.

Apesar do alto nível técnico de dificuldade do percurso, pilotos como Eric Van Loon e Denis Krotov (Msk Rally Team) não mediram palavras de elogio à organização da prova e qualidade dos roteiros de navegação.

Camiões: MAZ, MAZ, MAZ

Em camiões, a vitória foi tripla, desta vez para a MAZ, pelas mãos do vencedor da etapa Siarhey Viazovich, seguido de Aleksandr Vasilevski e Aleksei Vishnevsky.

O dia correu mal à KAMAZ, com furos em três caminhões e problemas no radiador de Andrey Karginov teve que parar seis vezes para meter água num radiador perfurado e trocar de pneus.

Ainda assim, Anton Shibalov permanece segundo na classificação geral.