EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Aumenta a tensão entre sindicatos e Governo

Aumenta a tensão entre sindicatos e Governo
Direitos de autor 
De  Luis Guita
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Governo português pondera alargar o âmbito da requisição civil. Sindicatos de motoristas dizem que não vão cumprir serviços mínimos nem requisição civil.

PUBLICIDADE

Ao terceiro dia de greve dos motoristas de matérias perigosas em Portugal, aumenta a tensão entre as diferentes partes.

Governo pondera decretar a requisição civil em regiões onde ainda não o tinha feito, face a um incumprimento dos serviços mínimos pelos motoristas.

"O incumprimento de serviços mínimos levara necessariamente a ser alargado o âmbito da requisição civil," declarou o ministro do Meio Ambiente e Energia, João Matos Fernandes.

Ao inicio de quarta-feira, o porta-voz do Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas, Pardal Henriques, afirmou que os motoristas não iam cumprir os serviços mínimos ou a requisição civil.

Uma resposta do Sindicato à notificação judicial de trabalhadores que, na terça-feira, não estiveram ao serviço no âmbito da requisição civil decretada pelo Governo, na segunda-feira.

"Ninguém vai sair daqui hoje. Ninguém vai cumprir serviços mínimos nem requisição civil. Não vão fazer absolutamente nada," afirmou o porta-voz do Sindicato dos Motoristas de Matérias Perigosas, Pardal Henriques.

O Governo identificou o incumprimento de serviços mínimos no abastecimento da zona sul do país a partir de Sines, no abastecimento da Rede Emergência de Postos de Abastecimento, no abastecimento dos aeroportos e no abastecimento das unidades autónomas de gás natural.

Os sindicatos em greve - Sindicato Nacional dos Motoristas de Matérias Perigosas e o SIMM (Sindicato Independente dos Motoristas de Mercadorias) - pretendem um acordo para aumentos graduais no salário-base até 2022.

Editor de vídeo • Luis Guita

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

As nove prioridades de Luís Montenegro para as primeiras semanas do Governo

Novo governo já tomou posse. Marcelo deixa aviso: "Mandato será complexo"

Quem são os novos ministros do Governo de Luís Montenegro