Última hora

Viagem ao Mundo de Leonardo da Vinci

Viagem ao Mundo de Leonardo da Vinci
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Virgem dos Rochedos, a obra icónica de Leonardo da Vinci, é a porta de entrada para uma viagem através do processo criativo do génio renascentista. Projeções, coros e réplicas virtuais de lugares e objetos que marcaram a vida de Da Vinci.

“Leonardo Experience a Masterpiece” uma exposição imersiva para ver na National Gallery, em Londres, no ano em que se assinalam os 500 anos da morte do pintor.

Gabriele Finaldi, diretor do museu, sublinha o recurso à alta tecnologia nesta exposição.

"A ideia é utilizar a experiência imersiva e a tecnologia digital para explorar esta grande obra-prima por ocasião do aniversário da morte de Leonardo, em 1519. O que fazemos é levar o público numa viagem pelos espaços que Leonardo conhecia, pelas paisagens que ele conhecia. O seu interesse pela luz e pela ótica, pela igreja para a qual pintou o quadro e pelo retábulo, fazemos uma evocação do cenário original da pintura".

Da Vinci utilizou a luz e a sombra. Estudos recentes revelam que existiu uma composição diferente da versão da obra A Virgem dos Rochedos que hoje conhecemos.

Caroline Campbell, curadora da exposição, destaca a “veracidade” e o realismo do quadro.

"Uma das coisas realmente interessantes sobre as pinturas de Leonardo é como ele consegue fazer com que a forma bidimensional pareça tridimensional e real. E ele faz isso através de seus grandes estudos de ótica. No momento em que trabalhou esta pintura, entendeu que vemos através de diferentes pontos, que vemos a luz de diferentes formas".

Leonardo Da Vinci é considerado por muitos o génio renascentista mais completo: foi artista, cientista e inventor.

A exposição “Leonardo Experience a Masterpiece” fica na National Gallery, em Londres, até janeiro de 2020.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.