Última hora

Tottenham celebra com triunfo regresso de Mourinho à Liga dos Campeões

Tottenham celebra com triunfo regresso de Mourinho à Liga dos Campeões
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O Tottenham conseguiu uma importante reviravolta, com apuramento para os oitavos de final, no regresso de José Mourinho à Liga dos Campeões.

O Olympiakos, de Pedro Martins, Daniel Podence e Rúben Semedo, ainda se adiantou no marcador até aos 2-0 -- o defesa ex-Sporting assinou o segundo golo dos gregos, aos 19 minutos.

O novo treinador dos Spurs foi rápido a reagir, mexeu na equipa logo à meia hora de jogo e foi determinante no desfecho.

O Tottenham venceu 4-2, garantiu o segundo lugar do grupo e um lugar na próxima fase do torneio dos milhões. Ao segundo jogo à frente dos ingleses, o treinador português revelou... humildade.

"O momento mais difícil no jogo, para mim, foi quando tive de fazer uma substituição na primeira parte. Não é fácil para o jogador, mas também não o é para mim. Tive sorte de a minha escolha ter recaído num rapaz muito inteligente. Um rapaz que entende muito bem o que é uma equipa porque foi uma decisão pela equipa. Não foi pela prestação dele. Foi pelas necessidades da equipa", explicou Mourinho, no final da partida, referindo-se à entrada do dinamarquês Christian Eriksen para o lugar de Eric Dier, o polivalente inglês formado no Sporting CP.

Um dos momentos do jogo aconteceu aos 50 minutos quando um jovem apanha bolas foi rápido a endossar uma bola na linha lateral ao marfinense Serge Aurier, que lançou Lucas Moura e apanhou a defesa grega de surpresa. O brasileiro serviu Harry Kane para o 2-2.

"O miúdo é um bom apanha-bolas. Ele percebe o jogo, lê o jogo. Não está ali apenas a olhar para as bancadas, para as luzes ou para os cachecóis. Está ali a viver o jogo e a joga-lo muito, muito bem. No final, quis convida-lo a festejar com a equipa no balneário, mas ele desapareceu. É um apanha-bolas muito, muito bom", elogiou Mourinho depois de ter revelado ter sido também ele um "muito bom apanha-bolas" entre os 10 e os 15 anos.

Nas contas do grupo B, com o triunfo, o Tottenham junta-se ao Bayern de Munique na passagem aos "oitavos". Os alemães passearam classe em Belgrado com uma goleada (0-6) diante do Estrela Vermelha.

Real "celebra" empate

No jogo cabeça de cartaz desta primeira noite da quinta jornada da "Champions", o Real Madrid começou a ganhar logo aos 17 minutos na receção ao Paris Saint-Germain.

Aos 79 ainda chegou aos 2-0, mas os franceses, líderes do grupo, não baixaram os braços e viriam a chegar ao empate em apenas dois minutos.

Ainda assim, apesar do empate, os espanhóis juntam-se aos parisienses no rol de apurados para os oitavos-de-final do torneio. Brugge e Galatasaray também empataram (1-1) em Istambul e ainda vão jogar pela passagem à Liga Europa na derradeira ronda do grupo A.

No grupo C, o Manchester City empatou em casa com o Shakthar Donetsk e também está apurado. Os ucranianos, orientados pelo português Luís Castro, ainda estão a competir com Dinamo de Zagreb e Atalanta pelo segundo posto.

No grupo D, por fim, a Juventus, com Cristiano Ronaldo no "11", venceu em casa o Atlético de Madrid, confirmou o primeiro lugar do grupo e deixou os espanhóis ainda na luta com o Bayer Leverkusen pela passagem à próxima fase.

Esta quarta-feira, entra em campo o Benfica. As "águias" são últimas no grupo G, com apenas três pontos e jogam em Leipzig, casa do líder, ainda com hipóteses de apuramento, mas uma derrota pode acabar com as aspirações europeias do clube nesta temporada.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.