Última hora
This content is not available in your region

Autoridades indianas tentam travar protestos

Autoridades indianas tentam travar protestos
Direitos de autor
e.g.
Tamanho do texto Aa Aa

O serviço de internet foi bloqueado em algumas zonas de Nova Deli. Uma forma de as autoridades indianas tentarem travar os protestos contra a lei da nacionalidade que têm marcado os últimos dias.

Mais de cem pessoas foram detidas em várias cidades do país, por terem desafiado a proibição de realização de protestos. O Governo indiano impôs uma lei de emergência que, desde quarta-feira, proíbe a reunião de mais de quatro pessoas em áreas da capital onde a maioria dos residentes é muçulmana.

Segundo fontes governamentais, a lei da nacionalidade pretende proteger as minorias religiosas de serem perseguidas em países vizinhos, mas os muçulmanos ficaram de fora, suscitando protestos. A repressão das manifestações causou pelo menos seis mortes.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.