Última hora
This content is not available in your region

Dia da Europa em Davos: Ursula von der Leyen aposta na "modernização"

euronews_icons_loading
Dia da Europa em Davos: Ursula von der Leyen aposta na "modernização"
Direitos de autor
AP - Markus Schreiber
Tamanho do texto Aa Aa

"Actualização" e "modernização" - foram estas as palavras a reter no discurso da presidente da Comissão Europeia, no Fórum Económico Mundial de Davos.

Palavras chave para enfrentar o "desafio global" das alterações climáticas. Ursula von der Leyen disse ainda é possível enfrentar os riscos, mas assume que o tempo esgota-se rapidamente.

É preciso atualizar e modernizar o nosso fórum internacional e é preciso liderança para levar estas questões em frente. Não há exemplo melhor do que as alterações climáticas. É um desafio global. Muitos de nós, nem todos, mas muitos de nós concordam que é preciso agir, sentimos a urgência.
Ursula von der Leyen
Presidente da Comissão Europeia

O ambiente é uma das prioridades da nova Comissão Europeia e é este o legado que Ursula VDL quer deixar à União Europeia.

Mas qual será o legado da nova comissão quando se trata de comércio internacional? O presidente dos EUA, Donald Trump, que acabou de assinar a Fase 1 de um acordo comercial com a China, disse que as negociações com a UE podem ser mais difíceis:

É, francamente, mais difícil de fazer negócios com a Europa do que com a China. Temos um ótima relação com a China agora ... Mas com a União Europeia...vou ser sincero, queria esperar até terminar as negociações com a China antes de trabalhar - com todo o respeito - na Europa.
Donald Trump
Presidente dos EUA

França avançou com uma nova taxa às empresas tecnológicas que gerou uma nova batalha na guerra comercial. O imposto digital pode comprometer as relações com os Estados Unidos - Trump ameaça responder com mais taxas alfandegárias.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.