Suspeito do caso Maddie pode ter repetido o crime

Polícia suspeita que Maddie e Inga podem ter desaparecido às mãos do mesmo homem
Polícia suspeita que Maddie e Inga podem ter desaparecido às mãos do mesmo homem Direitos de autor ASSOCIATED PRESS
Direitos de autor ASSOCIATED PRESS
De  Teresa Bizarro com Lusa, AFP
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Polícia alemã suspeita que Christian Bruckner é também o responsável pelo desaparecimento em 2015 de Inga, então com 5 anos

PUBLICIDADE

Alemão suspeito do rapto e morte de Madeleine McCann pode ter repetido o crime há cinco anos. O Ministério Público da cidade de Stendal, na Alemanha, está à procura de ligações entre o caso de Maddie e de Inga, uma outra criança que desapareceu em 2015 em circunstâncias por esclarecer.

Sabe-se agora que o suspeito tinha uma propriedade a 100 quilómetros da cidade onde Inga vivia e não tem alibi para o dia do desaparecimento. A possibilidade dos dois casos estarem ligados foi anunciada esta sexta-feira. Inga tinha 5 anos. Desapareceu no final de um passeio na floresta de Uchtspringe, a 150 quilómetros de Berlim.

Christian Bruckner, de 43 anos, foi uma das pessoas identificadas pela Polícia Judiciária portuguesa. Em declarações à agência Lusa, Carlos Farinha, o diretor-adjunto da PJ diz que no processo entregue à polícia britânica em 2012 constavam informações de centenas de pessoas, entre elas o alemão anunciado agora como suspeito.

As alegações do envolvimento de Bruckner no desaparecimento de Maddie, na Praia da Luz, no Algarve, ganharam mais sustentação em 2017. Na origem, informações fornecidas à Scotland Yard por um outro cidadão alemão. A PJ portuguesa terá participado ativamente na investigação que levou ao atual suspeito.

Christian Bruckner está detido na Alemanha por ter violado uma mulher norte-americana no Algarve, onde viveu 12 anos até 2007 - o ano do desaparecimento de Madeline McCann..

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Polícia alemã descobre cinco crianças mortas num apartamento

Novo principal suspeito do caso Maddie McCann

Borrell compara destruição em Gaza com danos causados nas cidades alemãs na Segunda Guerra Mundial