EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Suspeito assume autoria do incêndio na Catedral de Nantes

Catedral de Nantes
Catedral de Nantes Direitos de autor LOIC VENANCE/AFP or licensors
Direitos de autor LOIC VENANCE/AFP or licensors
De  Euronews
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Autoridades francesas voltam a deter homem de 39 anos, que reconheceu ter iniciado o fogo na Catedral de Nantes.

PUBLICIDADE

Uma semana depois do incêndio na Catedral de Nantes, o primeiro suspeito assume a autoria do sucedido.

Trata-se de um homem de 39 anos, de nacionalidade ruandesa, entretanto detido novamente, e que trabalhava voluntariamente no monumento religioso, sendo acólito e responsável pelo encerramento das portas na véspera do fogo.

De acordo com o procurador de Nantes, o suspeito admitiu perante o juiz de instrução ter iniciado as três deflagrações que destruíram parcialmente este espaço, nomeadamente o órgão principal. Os motivos são ainda desconhecidos.

O homem enfrenta agora uma pena de 10 anos de prisão e uma multa de 150 mil euros.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Paris 2024: previsões do quadro de medalhas, factos, programa do dia de abertura e quais os recordes que poderão ser batidos

"Muro da Trégua" na Aldeia Olímpica apela à paz no mundo

Presidente da Câmara de Paris nada nas águas do rio Sena