Última hora
This content is not available in your region

Tensão entre Turquia e Grécia no Mediterrâneo Oriental continua

euronews_icons_loading
Tensão entre Turquia e Grécia no Mediterrâneo Oriental continua
Direitos de autor  AP/Turkish Defense Ministry
Tamanho do texto Aa Aa

A tensão entre a Turquia e a Grécia no Mediterrâneo Oriental continua. O presidente turco, Recep Tayip Erdogan, disse que a Grécia seria responsável por qualquer incidente em alto mar.

Uma resposta a uma declaração do primeiro-ministro grego, Kyriakos Mitsotakis que disse que a presença da Turquia no Mediterrâneo pode levar a uma altercação acidental entre os dois lados pela qual a Turquia será responsabilizada.

Atenas e Ancara divergem sobre soberania da zona. Neste conflito pelos recursos energéticos, os turcos enviaram um navio de pesquisa sísmica o que levou a Grécia a unir-se a Chipre, Itália e França em exercícios militares na região.

No dia 10 de agosto, a Turquia enviou um navio para efetuar explorações de hidrocarbonetos numa zona reivindicada pela Grécia - o que agravou as tensões entre Ancara e Atenas.

A crise do Mediterrâneo Oriental será o tema central da reunião de emergência dos Chefes de diplomacia da União Europeia, marcada para esta quinta e sexta-feira, em Berlim.

As movimentações na zona, pela exploração dos recursos energéticos, já motivaram a apelos à calma da parte do bloco europeu.

Entretanto, os navios de guerra gregos e turcos continuam a navegar em águas agitadas, numa demonstração de força no Mar Mediterrâneo.