Alemães pedem ao governo para acolher migrantes desalojados de Moria

Alemães pedem ao governo para acolher migrantes desalojados de Moria
Direitos de autor Luis Jachmann
Direitos de autor Luis Jachmann
De  Bruno Sousa
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Manifestação em Berlim contou com meio milhar de pessoas. Ministro do Interior, Horst Seehofer, foi um dos mais criticados

PUBLICIDADE

"Nós temos espaço". A palavra de ordem não deixou margem para dúvidas, milhares de alemães manifestaram-se este domingo em Berlim para pedir à Alemanha que abra os braços aos migrantes que ficaram desalojados após o incêndio no campo de acolhimento de Moria, na Grécia.

O governo alemão já manifestou a disponibilidade para dar guarida a cerca de 1500 pessoas mas Horst Seehofer tem-se mostrado reticente. O ministro do Interior alemão considera que deve ser Bruxelas a encontrar uma solução para o problema e que qualquer intervenção unilateral da Alemanha apenas vai contra a criação de uma política europeia comum para a migração.

De acordo com a polícia alemã, estiveram cinco mil pessoas na manifestação, respeitando, na medida do possível, o distanciamento social.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Proposta de pacto migratório provoca reações diversas

Detido na Alemanha um dos três membros da Fação do Exército Vermelho

Partido da coligação de governo perde um lugar no parlamento alemão