Última hora
This content is not available in your region

Cineworld encerra temporariamente salas de cinema nos EUA e no Reino Unido

euronews_icons_loading
Cineworld encerra temporariamente salas de cinema nos EUA e no Reino Unido
Direitos de autor  JUSTIN TALLIS/AFP or licensors
Tamanho do texto Aa Aa

A Cineworld vai encerrar temporariamente as salas de cinema no Reino Unido e nos EUA. A decisão afeta 45 mil funcionários.

É a segunda maior cadeia de cinemas do mundo e decidiu suspender as operações em 536 salas de cinema dos EUAe 127 no Reino Unido devido à crise criada pela pandemia.

A notícia caiu nos mercados "como uma bomba". As ações da empresa sofreram uma queda de 60% para o valor mais baixo de sempre. Desde o início do ano, as ações da britânica Cineworld perdem 90% do valor que tinham, antes da pandemia.

A instabilidade começa quando o lançamento do novo filme do James Bond é adiado, em abril e novamente na semana passada. Era uma das grandes apostas para 2020 e seria das principais fontes de receita da empresa britânica.

Com a pandemia, as grandes produtoras têm feito esforços para colocar no grande ecrã os filmes que estavam previstos para 2020 e têm optado pelas plataformas online para o fazer, como é o caso do novo filme do Borat, que estreia a 23 de outubro na Amazon Prime Video.