EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Chile celebra vitória do "sim" a nova Constituição

Chile celebra vitória do "sim" a nova Constituição
Direitos de autor 0 The Associated Press
Direitos de autor 0 The Associated Press
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Os chilenos decidiram em referendo, por larga maioria, pôr fim a um dos maiores testemunhos da era Pinochet, a Constituição que intituiu o neoliberalismo económico no país.

PUBLICIDADE

O Chile celebrou, este domingo, o "sim" a uma nova Constituição. A vontade foi expressada, em referendo, por uma larga maioria de 78,24% do eleitorado. O novo texto será agora redigido por uma assembleia popular eleita especificamente para o efeito.

O resultado, no entanto, parecia impossível há um ano. A mudança chegou depois de um protesto estudantil por causa do preço dos transportes públicos ter desencadeado uma contestação generalizada contra as desigualdades socioeconómicas.

A Constituição chilena em vigor até à data foi adotada em 1980 sob a ditadura de Augusto Pinochet (1973-1980), o texto fundamental serviu então de base legal para a instituição de um dos primeiros modelos económicos neoliberais do mundo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Constituição divide um Chile em profunda crise

Paris impõe estado de emergência na Nova Caledónia. Habitantes temem pela escassez de alimentos

Irlanda vai levar a referendo os conceitos de "família" e de "dona de casa"