Última hora
This content is not available in your region

Restaurantes italianos desafiam restrições e abrem portas

euronews_icons_loading
Restaurantes italianos desafiam restrições e abrem portas
Direitos de autor  AP Photo/Antonio Calanni
Tamanho do texto Aa Aa

A desobediência civil ganha força em Itália, com um grupo de profissionais da restauração a desafiar as restrições impostas para travar a pandemia de covid-19. A campanha de tem vindo a crescer nas redes sociais com a hashtag #IoApro (eu abro) e na noite de sexta-feira já era possível encontrar alguns estabelecimentos de portas abertas em Roma.

O reforço das medidas de restrição significa que a partir desde sábado já não podem sequer vender comida para fora. Para os empresários do setor, esta foi a gota de água que deu origem à desobediência civil.

Queixam-se da falta de apoios do Estado e de discriminação, uma vez que os restantes estabelecimentos comerciais podem continuar abertos.

Na Bélgica, o mal é o mesmo mas o remédio é outro. Na localidade de Pepinster, no leste do país, a proprietária de um café fechou-se estabelecimento e passou a recusar alimentos sólidos para chamar a atenção para a grave crise no setor da restauração.