Sicília vai receber os 146 migrantes a bordo do Open Arms

Sicília vai receber os 146 migrantes a bordo do Open Arms
Direitos de autor MTI
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O município de Porto Empedocle, na Sicília, vai receber os 146 migrantes vindos da Líbia e resgatados no Mediterrâneo pela ONG Open Arms

PUBLICIDADE

Os 146 migrantes resgatados no Mediterrâneo central pelo navio da organização humanitária espanhola, Open Arms, vão ser recebidos no município de Porto Empedocle, na Sicília.

A ONG tinha pedido um porto seguro devido ao agravamento das condições do mar, com ventos fortes e frio.

Até sábado estavam a bordo quatro dezenas de migrantes resgatados na sexta-feira, mas no sábado à noite a ONG detetou mais uma embarcação com 106 pessoas, com muitas mulheres e crianças.

Para além das pessoas que recolheu, a Open Arms declara que, ao longo desta missão, que começou há treze dias depois de zarpar do porto de Barcelona, testemunhou centenas de regressos à Líbia, um país em guerra.

A ONG insiste que a Líbia "não pode ser considerada um país seguro" para o qual os imigrantes possam regressar e recorda à União Europeia o "dever" de proteger as suas vidas para que tenham a opção de pedir asilo, em conformidade com o direito internacional.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Navio da Open Arms desembarca na Sicília

Reunião do EuroMed 9 sem progressos sobre a imigração

"Mais solidariedade" na crise dos migrantes