EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Manifestantes bloqueiam acesso ao parlamento da Arménia

Manifestantes bloqueiam acesso ao parlamento da Arménia
Direitos de autor KAREN MINASYAN/AFP or licensors
Direitos de autor KAREN MINASYAN/AFP or licensors
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Protesto serviu mais uma vez para pedir a demissão do primeiro-ministro da Arménia. A pressão para Nikol Pashinyan se demitir tem aumentado e começou depois das importantes cedências territoriais na conclusão da mais recente guerra com ao Azerbaijão na disputa por Nagorno-Karabakh.

PUBLICIDADE

Milhares de manifestantes da oposição arménia bloquearam em Erevan os acessos ao parlamento durante a noite. Exigem a demissão do primeiro-ministro Nikol Pashinian.

Pashinian tem resistido a meses de pressão para se demitir depois do acordo de paz de novembrp que terminou com seis semanas de guerra com o Azerbaijão pela região de Nagorno-Karabakh.

A tensão tem aumentado desde que um grupo de militares enviou uma carta ao chefe de governo a pedir a sua saída. Pashinian recusou e apelidou a carta de tentativa de golpe, ordenando a demissão do chefe do Estado-Maior-General das forças armadas

No centro do descontento está a cedência ao Azerbaijão do controlo setores de Nagorno-Karabakh e distritos dos arredores que a Arménia ocupou no início dos anos 90. O plano de paz foi mediado pela Rússia, depois de importantes perdas e recuos militares da Arménia contra um Azerbaijão apoiado pela Turquia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Nikol Pashinyan resiste mas a comunidade internacional está preocupada

Ambiente de tensão na Arménia

Arménia: pelo menos 4 mortos em inundações