This content is not available in your region

Israel e Hamas intensificam ataques

Access to the comments Comentários
De  Rodrigo Barbosa  com AP / AFP
euronews_icons_loading
"Rockets" lançados da Faixa de Gaza em direção a Israel
"Rockets" lançados da Faixa de Gaza em direção a Israel   -   Direitos de autor  Khalil Hamra/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.

Forte escalada nas hostilidades entre Israel e o Hamas, apesar dos esforços de mediação e apelos internacionais.

A aviação hebraica voltou a bombardear a Faixa de Gaza e o governo chamou 9000 reservistas, que poderão ser usados numa eventual invasão terrestre.

Esta quinta-feira, enquanto decorriam novos ataques, o Exército israelita colocou tanques e viaturas blindadas ao longo da fronteira com o enclave palestiniano.

Benjamin Netanyahu, primeiro-ministro israelita:"As ações defensivas do sistema 'Cúpula de Ferro' dão-nos oportunidade para conduzir ataques. O Exército já atacou centenas de alvos e em breve ultrapassaremos os mil. Continuamos a atacar o Hamas ao mesmo tempo que defendemos os nossos cidadãos."

O tom bélico do chefe do governo israelita é respondido na mesma moeda pelos dirigentes do Hamas, fazendo temer uma repetição da guerra devastadora de 2014, que fez mais de 2300 mortos em cinquenta dias de conflito.

Abu Obaida, porta-voz do braço militar do Hamas:"A decisão de disparar sobre Telavive, Jerusalém, Dimona, Ashqelon, Ashdod, Beersheba ou qualquer outra cidade, a partir dos territórios ocupados, é mais fácil para nós do que beber água."

A escalada das hostilidades continua, ao mesmo tempo que negociadores egípcios conduziam diálogos face a face com ambas as partes. Os Estados Unidos já anunciaram o envio de um emissário especial e a Rússia apelou a uma reunião de urgência do Quarteto para o Médio Oriente.

Esta sexta-feira, o Conselho de Segurança volta a reunir-se para debater a situação.

Quatro dias de violência saldaram-se, até ao momento, em perto de 90 mortos do lado palestiniano e outros sete em território israelita.