EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Eurodeputado extraditado para Atenas

Eurodeputado extraditado para Atenas
Direitos de autor Stelios Stefanou/AP
Direitos de autor Stelios Stefanou/AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Ioannis Lagos, alto dirigente do antigo partido de extrema-direta, Aurora Dourada, foi condenado a 13 anos e oito meses de prisão por liderança de uma associação criminosa.

PUBLICIDADE

"Pela ortodoxia e pela Grécia, todo o sacrifício vale a pena", palavras do eurodeputado grego Ioannis Lagos ao ser levado ao procurador em Atenas depois de ser extraditado de Bruxelas para a capital helénica.

Lagos, que foi alto dirigente do partido de extrema-direita Aurora Dourada, foi condenado a 13 anos e oito meses de prisão por liderança de uma associação criminosa. Foi despido da imunidade de deputado europeu no dia 27 depois de um mandado de captura internacional emitido pelas autoridades gregas.

Condenados e presos foram também o líder do Aurora Dourada, Nikos Michaloliakos e cinco outros antigos membros do partido. Um membro, Christos Pappas, número dois da organização, encontra-se a monte.

O processo teve início com o assassinato de um músico antifascista, Pavlos Fyssas, em 2013.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Tribunal ordena prisão de ex-membros do Aurora Dourada

De 5 anos a prisão perpétua: as sentenças do Aurora Dourada

Veredicto da justiça grega: Aurora Dourada é uma organização criminosa