Última hora
This content is not available in your region

Oposição de Israel conquista poder e diz "adeus" a Netanyahu

euronews_icons_loading
Líder do Yamina, o nacionalista Naftali Bennett, sorri com as palavras de Yair Lapid, líder Yesh Atid
Líder do Yamina, o nacionalista Naftali Bennett, sorri com as palavras de Yair Lapid, líder Yesh Atid   -   Direitos de autor  Ronen Zvulun/AP
Tamanho do texto Aa Aa

Está consumada a conquista do poder por parte da oposição em Israel, e será o fim da linha para Benjamin Netanyahu depois de 12 anos como primeiro-ministro.

Yair Lapid do partido de centro Yesh Atid forjou acordos com vários partidos, em especial com o Yamina do nacionalista Naftali Bennett, que assumirá a chefia de governo num sistema de alternância de poder de dois em dois anos com Yair Lapid.

Mas antes se chegar à cadeira de poder, a coligação terá que se submeter à aprovação do parlamento, antes de tomar posse.

Se não receber a aprovação da maioria dos 120 assentos do Knesset, o país pode volta a urnas pela quinta vez em dois anos.

Significa que Bibi, como é conhecido o ainda chefe de governo, ainda tem uma chance de manter o poder. Netanyahu já está na história como o israelita que mais tempo governou e o que enfrentou um processo-crime enquanto primeiro-ministro.