Última hora
This content is not available in your region

Estreias nos Jogos Olímpicos valem Ouro

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Estreias nos Jogos Olímpicos valem Ouro
Direitos de autor  Themba Hadebe/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

Corrida 110 metros barreiras

Hansle Parchment sagrou-se campeão olímpico nos 110m barreiras. Apesar de o favoritismo estar do lado do norte-amercano e campeão do mundo Grant Holloway, o atleta jamaicano garantiu o título, ao acabar a corrida em 13,05 segundos.

Triplo salto

Após uma espera de 13 anos, Portugal voltou a ver a cor do ouro com o triplo salto de 17,98m de Pedro Pichardo.

Com a prestação do atleta lusocubano, que desta forma se sagrou o quinto campeão olímpico português, esta é já a melhor participação de sempre do país nos Jogos Olímpicos.

Maratona aquática

Sempre na liderança, Florian Wellbrock venceu na modalidade de maratona aquática. Dez quilómetros em 1h48m33seg puseram a Alemanha no primeiro lugar do pódio.

Marcha

Contra altas temperaturas e 56 adversários, Massimo Stano conquistou o ouro em 20 km marcha. O italiano foi o primeiro a passar a meta, com o tempo de 1h21min05seg.

Canoagem K1 200

Na canoagem, Sandor Totka levou para a Hungria o primeiro ouro do dia, na categoria de K1 200. A prova, finalizada em 35,035 segundos, deixou o italiano Rizza Manfredi no segundo lugar, a 45 milésimos de segundo, e o britânico Liam Heath, a 167 milésimos de segundo, garantinfo o bronze.

Boxe

O Comité Olímpico Russo teve o seu primeiro momento dourado no boxe, onde Albert Batyrgaziev ganhou o primeiro lugar na categoria de pesos pluma, face ao norte-americano Duke Ragan.