EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Presidente chinês promete reunificação com Taiwan

Presidente chinês promete reunificação com Taiwan
Direitos de autor Andy Wong/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
Direitos de autor Andy Wong/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Xi Jinping declarou que "aqueles que traem a pátria não terão um final feliz".

PUBLICIDADE

Uma só China, reunida pacificamente com Taiwan. A mensagem do presidente chinês foi proferida durante as celebrações dos 110 anos da revolução que fez cair a última dinastia chinesa. Ora esta é uma das raríssimas datas assinaladas quer por Pequim, quer por Taiwan.

Xi Jinping foi mais do que claro a delinear um horizonte: declarou que "a independência e o separatismo de Taiwan são os maiores obstáculos à reunificação da pátria e um grave perigo para a juventude do país". Salientou também que "aqueles que esquecem a herança e traem a pátria não vão ter um final feliz".

Xi Jinping deixou igualmente avisos: " a reunificação vai acontecer" e "ninguém deve subestimar a determinação" do povo chinês.

Palavras que surgem após uma semana em que Taiwan denunciou haver uma ameaça concreta de conflito, com o seu espaço aéreo a ser violado mais de uma centena de vezes por aviões de Pequim no âmbito de exercícios militares. Taipé afirma mesmo que está a ser preparada uma invasão até 2025.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

EUA "não vão abandonar Taiwan", garante Nancy Pelosi

Nicarágua expropria antiga embaixada e escritórios de Taiwan

China quer manter mesma relação com a Alemanha pós-Merkel