This content is not available in your region

Nicarágua expropria antiga embaixada e escritórios de Taiwan

Access to the comments Comentários
De  Fátima Valente  & AFP
euronews_icons_loading
Nicarágua expropria antiga embaixada e escritórios de Taiwan
Direitos de autor  Miguel Alvarez/2009 AP

Depois do corte de relações diplomáticas, O Governo da Nicarágua confiscou a antiga embaixada e escritórios de Taiwan em Manágua, argumentando que as propriedades pertencem à China.

Antes de partirem da Nicarágua, os diplomatas de Taiwan tentaram doar as propriedades à Igreja Católica, em particular à arquidiocese de Manágua. Mas o Governo de Daniel Ortega afirmou que qualquer doação seria inválida e que o edifício na zona nobre de Manágua pertence à China.

O Gabinete do procurador-geral disse, em comunicado, que a tentativa de doação era uma "manobra de subterfúgio para tirar o que não lhes pertence".

O Governo do presidente Daniel Ortega cortou relações diplomáticas com Taiwan no início deste mês, depois de reconhecer que "no mundo existe uma só China" sob a autoridade de Pequim.

A decisão foi anunciada num momento de tensão crescente entre a China e os Estados Unidos por causa de Taiwan, mas também após o endurecimento das sanções norte-americanas contra o país da América Central.