EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Justiça admite crime na morte de Halyna Hutchins

Justiça admite crime na morte de Halyna Hutchins
Direitos de autor Jae C. Hong/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
Direitos de autor Jae C. Hong/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
De  Bruno Sousa
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Procuradora-geral revela a presença de uma "enorme quantidade de balas" no local da filmagem e avisa que a investigação pode durar meses

PUBLICIDADE

A justiça norte-americana admite perseguir criminalmente os responsáveis pelo acidente que resultou na morte de Halyna Hutchins durante a gravação de um filme. Em declarações ao New York Times, a procuradora geral, Mary Carmack-Altwies, referiu que será investigada a presença de uma "enorme quantidade de balas" no local da filmagem e esclareceu que "a arma utilizada era real", e não um simples adereço.

No que diz respeito às notícias de membros da equipa de filmagem a praticar tiro ao alvo com munições reais, Carmack-Altwies avisou que essa informação "não estava confirmada".

As autoridades norte-americanas informaram que as investigações em torno do que aconteceu durante a gravação do filme "Rust" poderão durar "várias semanas ou até mesmo meses".

Certo é que o tiro fatal foi disparado pelo ator e produtor, Alec Baldwin, depois de ter sido informado que a arma estava segura.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Alec Baldwin acusado de homicídio culposo

Trump aceita nomeação para corrida presidencial e cita Orbán no discurso

J.D. Vance aceitou nomeação do Partido Republicano para a vice-presidência de Trump