This content is not available in your region

Reino Unido, Chéquia e Portugal reduzem quarentena

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Reino Unido, Chéquia e Portugal reduzem quarentena
Direitos de autor  Gregorio Borgia/Copyright 2022 The Associated Press.

Acelerar o processo de testes da Covid-19. É esta a intenção do primeiro-ministro britânico, Boris Johnson. Anunciou a agilização do sistema de testagem tanto dentro do Reino Unido como para as chegadas internacionais.A ideia é optimizar os recursos e impulsionar a economia.

A partir das 4 da manhã de sexta-feira eliminaremos o teste pré-partida que desencoraja muitas pessoas a viajar por receio de ficarem presos no estrangeiro e terem despesas extra significativas. Também levantaremos a exigência de auto-isolamento à chegada até recebermos uma PCR negativo em vez de regressarmos ao sistema que tínhamos em Outubro do ano passado, onde aqueles que chegam a Inglaterra terão de fazer um teste rápido o mais tardar no final do segundo dia e, caso seja positivo, um novo teste PCR para nos ajudar a identificar qualquer nova variante na fronteira.
Boris Johnson
Primeiro-Ministro do Reino Unido

A Chéquia decidiu reduzir a quarentena de 14 para 5 dias. A medida espera limitar as baixas por doença devido à propagação da variante ómicron, mas impõe condições de testagem.

A partir de terça-feira, o período de quarentena e isolamento será reduzido para cinco dias. Cinco dias completos. O mesmo período de quarentena, o mesmo período de isolamento para todos, sem excepções. Isto será seguido por uma medida que entrará em vigor a 17 de Janeiro e diz respeito à testagem de todos os funcionários, repito todos os funcionários.
Vlastimil Válek
Ministro da Saúde Chéquia

Portugal também reduz para 7 dias o isolamento de pessoas assintomáticas ou com sintomas ligeiros e sem obrigatoriedade de realização de um teste no sétimo dia. De acordo com as autoridades portuguesas as pessoas deverá haver uma auto-responsabilização na gestão do vírus. No entanto, casos positivos com sintomas moderados ou graves terão de cumprir os 10 dias de quarentena.