This content is not available in your region

Caos nos aeroportos russos

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Caos nos aeroportos russos
Direitos de autor  Alexander Zemlianichenko/AP2011

Turistas, expatriados e estudantes estrangeiros encurralados na Rússia. Milhares de pessoas vivem momentos de incerteza nos aeroportos russos. O espaço aéreo europeu foi encerrado às aeronaves com as cores do país de Putin. Na resposta, Moscovo proibiu voos de companhias aéreas de 36 países.

Um advogado espanhol contesta a forma como as sanções foram impostas. "O nosso visto expira esta noite. Se não conseguirmos sair da Rússia, teremos um grande problema. Penso que as autoridades europeias tomaram uma decisão precipitada, fechando o espaço aéreo sem primeiro estabelecerem um cordão humanitário para retirarem os cidadãos europeus. Porque eu sou um cidadão europeu," diz Jorge Enrique Rojas Moreno, que estava de férias em Moscovo.

A situação afeta tambem russos que pretendem viajar. "As sanções criam problemas. Devia ter saído esta manhã e não o pude fazer. Tinha um voo directo, mas agora a minha viagem vai demorar mais de 20 horas," desabafa um cidadão russo no aeroporto de Moscovo.

A saída da Rússia por via aérea é cada vez mais complicada. Desde esta segunda-feira, as companhias internacionais só podem entrar no espaço aéreo do país com uma licença especial. Os aviões russos estão impedidos de aterrar em dezenas de países - incluindo grande parte da Europa.