EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Sueco Ruben Östlund vence segunda Palma de Ouro em Cannes

Palma de Ouro
Palma de Ouro Direitos de autor  Euronews
Direitos de autor  Euronews
De  Frédéric PonsardEuronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Realizador premiado pelo filme "Triangle of Sadness".

PUBLICIDADE

Terminou este sábado o festival de cinema de Cannes, com a cerimónia em que foram conhecidos os vencedores. Cinco anos após "O Quadrado", o realizador sueco Ruben Östlund repetiu a Palma de Ouro com o filme "Triangle of Sadness."

O sul-coreano Song Kang-ho, do filme "Parasita", venceu o prémio de melhor ator pelo seu desempenho em "Broker", do realizador nipónico Kore-Eda, e a iraniana Zar Emir-Ebrahimi venceu o de melhor atriz pelo seu papel em "Holy Spider", do realizador dinamarquês de origem iraniana, Ali Abassi.

Uma co-produção da Suécia, Alemanha, Turquia e França, "Triangle of Sadness" é uma comédia que satiriza a vida dos passageiros de um cruzeiro num iate de luxo.

Em declarações à Euronews, Ruben Östlund elogiou o cinema europeu e o seu foco em questões sociais prementes, afirmando que este "obriga a refletir sobre aquilo que queremos mudar para construír um mundo melhor." Para o realizador, "é inútil fazer cinema sem este propósito."

Na sua septuagésima quinta edição, o festival celebrou o regresso à normalidade após dois anos de pandemia e celebrou sobretudo o cinema europeu, que arrebatou a maioria dos prémios. Para além do "Triangle of Sadness", destacaram-se também os filmes “Close“, do belga Lukas Dhont, e “Stars at Noon“, da francesa Claire Denis, que foram ambos escolhidos para o grande prémio do júri.

As longas metragens  “Le Otto Montagne”, dos belgas Felix van Groeningen e Charlotte Vandermeersch, e “EO”, do realizador polaco de 84 anos Jerzy Skolimowski, foram distinguidos com o prémio do júri.

Recorde-se que o filme “Ice Merchants”, do realizador português João Gonzalez, foi premiado na Semana da Crítica da mostra.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"EO" o burro que impressionou o Festival de Cannes

Português Tiago Felício entre os 15 jurados do Festival de Cinema Europeu "ArteKino"

Chega ao fim a 44ª edição do Fantasporto. Conheça os filmes vencedores