Bárbara Timo garante ouro a Portugal no Grande Prémio de Judo

Judoca portuguesa Bárbara Timo venceu a brasileira Gabriella Moraes
Judoca portuguesa Bárbara Timo venceu a brasileira Gabriella Moraes Direitos de autor International Judo Federation
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Judoca impôs-se na categoria de -63 kg ao vencer a brasileira Gabriella Moraes na competição que decorre em Almada

PUBLICIDADE

Ao segundo dia do Grande Prémio de Judo de Portugal, o Pavilhão de Almada encheu-se de apoiantes locais ansiosos por assistir ao desempenho das estrelas nacionais.

A judoca do Benfica Bárbara Timo, nascida no Rio de Janeiro e que em 2019 passou a representar Portugal, esteve em alta.

Em casa, conquistou a primeira medalha de ouro de Portugal na competição ao vencer a brasileira Gabriella Moraes na final da categoria de -63 kg.

Os fãs ficaram em êxtase com a conquista.

Catarina Rodrigues, diretora do Grande Prémio Portugal 2023, condecorou a atleta.

"O público dá-me uma energia extra, sinto-me muito motivada por ter esse apoio incrível, incluindo a minha família e amigos. Gostava que fosse sempre assim em todos os torneios. Foi muito bom ter a primeira medalha aqui em Portugal."
Bárbara Timo
Judoca

Obidkhon Nomonov triunfa nos -73 kg

Na categoria de -73 kg, o judoca uzbeque Obidkhon Nomonov, de 24 anos, impôs-se sobre o cazaque Zhansay Smagulov, com um ataque repleto de determinação.

Nomonov não escondeu a felicidade. Foi condecorado por Mohammed Meridja, Diretor de Educação e Coaching da Federação Internacional de Judo (FIJ).

"Ter a minha equipa aqui é um grande apoio. Quando estou cansado o meu treinador grita para me encorajar. Quando ouço a voz dele encontro uma força renovada e começo a lutar melhor, especialmente quando estou cansado."
Obidkhon Nomonov
Judoca

Coughlan lidera na categoria de -70 kg e Lee Joohn-hwan nos -81 kg

A australiana Aoife Coughlan esteve imparável na categoria dos -70 kg.

Assegurou a vitória e conquistou a segunda medalha de ouro para a Austrália num Grande Prémio.

Recebeu a medalha das mãos de Vladimir Barta, Diretor Desportivo da Federação Internacional de Judo.

Já a estrela em ascensão da Coreia do SulLee Joohn-hwan, mostrou por que é que toda a categoria de -81 kg está em alerta máximo.

Voltou a conquistar mais um ouro no World Tour. Foi condecorado por Florin Daniel Lascau, Diretor de Arbitragem da FIJ.

O público também vibrou com o desempenho do judoca português nascido na Geórgia Anri Egutidze, na categoria de -81 kg.

Apesar de não subir ao pódio, garantiu bons momentos aos fãs.

Outros atletas portugueses estão de olhos postos no ouro na última jornada do Grande Prémio de Judo, este domingo.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Torneio de Paris volta a maravilhar

Judo: Ouro para Renshall, Matic, Lavrentev e Hojo no Grand Prix de Portugal

Judo: Uzbeques brilham no primeiro dia do Grand Prix de Portugal