EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Papa Francisco inicia visita à Hungria

O Papa à chegada a Budapeste
O Papa à chegada a Budapeste Direitos de autor ATTILA KISBENEDEK/AFP or licensors
Direitos de autor ATTILA KISBENEDEK/AFP or licensors
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Devido ao frágil estado de saúde do Papa, a visita limita-se à capital, Budapeste.

PUBLICIDADE

Com um ar debilitado e apoiado numa bengala, o Papa Francisco iniciou uma visita de três dias a Budapeste, para explicar ao Governo e à sociedade da Hungria a sua visão do futuro da Europa. 

É uma viagem espiritual que dificilmente pode ser separada do conteúdo político. O conflito na Ucrânia deve ser um dos principais temas da visita.

O Papa encontrou-se com o primeiro-ministro húngaro, Viktor Orbán, que, tal como ele, defende a paz na Ucrânia sem cortar os laços com Moscovo. No entanto, os dois têm posições radicalmente diferentes em questões como a imigração.

Antes de se encontrar com Orbán, o Papa foi recebido pela presidente do país, Katalin Novak. Com uma população de quase 10 milhões de habitantes, a Hungria é um país maioritariamente católico, com laços estreitos com a Rússia. 

Esta visita de três dias limita-se a Budapeste, devido ao delicado estado de saúde do pontífice.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Papa Francisco rejeita acusações a João Paulo II sobre rapto de Emanuela Orlandi

Papa reza pela paz na Irlanda do Norte e na Ucrânia

Papa apela à paz no Médio Oriente e na Ucrânia