A morsa Freya foi eutanasiada mas já tem uma estátua

Muitas pessoas não ligavam aos avisos perto de Freya
Muitas pessoas não ligavam aos avisos perto de Freya   -  Direitos de autor  Annika Byrde/Annika Byrde / NTB
De  Euronews

Freya foi avistada no Reino Unido, Países Baixos, Dinamarca e Suécia. Mas representava demasiados riscos

Oslo acabou de ganhar uma nova escultura de bronze que já provocou muita nostalgia. É uma homenagem a Freya, a morsa que se tornou numa estrela na Noruega, porque passeava descontraidamente nos cais, nos barcos e entre as pessoas. E esse foi o problema.

Os riscos que a proximidade com um animal de 600 kg representava, e o facto de muitas pessoas não ligarem aos avisos, levaram a que fosse eutanasiada.

A estátua foi construída graças a uma recolha de fundos que juntou mais de 22 mil euros.  Erik Holm, organizador da iniciativa, confessa: "Estou muito triste pela forma como Freya foi tratada. E pela forma como a sua vida acabou. Havia muita gente que não cumpria as regras, quando ela andava junto às docas. As pessoas eram demasiado curiosas e aproximavam-se demais".

Notícias relacionadas