EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Exército sudanês e paramilitares iniciaram diálogo na Arábia Saudita

Centenas de milhares de pessoas tiveram de fugir dos combates
Centenas de milhares de pessoas tiveram de fugir dos combates Direitos de autor Amr Nabil/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
Direitos de autor Amr Nabil/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
De  euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Foi a primeira vez que as duas partes em conflito no Sudão conversaram, depois do início dos combates no passado dia 15.

PUBLICIDADE

O exército sudanês e os paramilitares iniciaram conversações no sábado, na Arábia Saudita, que está a desempenhar o papel de mediador juntamente com os Estados Unidos. Estas são as primeiras negociações entre as duas partes desde que os combates começaram no passado dia 15. A Liga Árabe também se reuniu este sábado.

Com a capital do Sudão, Cartum, e outras áreas urbanas transformadas em campos de batalha, centenas de milhares de pessoas tiveram de abandonar as suas casas.

“Trabalhamos em três turnos ao longo do dia e fornecemos tudo o que podemos, desde ambulância e transporte para os hospitais e é claro que temos muitos casos”, afirma Mohamed Ibrahim Mohamed do Crescente Vermelho Sudanês.

No sábado, tanques e soldados do exército sudanês dispararam contra alvos em Cartum. Os combates entraram na quarta semana apenas algumas horas antes de as partes em conflito se encontrarem na Arábia Saudita.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Alemanha promete milhões em ajuda ao Sudão no aniversário da guerra

Sudão: 18 milhões enfrentam fome severa

Adesão da Ucrânia à UE: "caminho longo" mas "determinação inabalável", garante Bruxelas