Zelenskyy afirma que Alemanha é "amigo de verdade"

Presidente alemão, Frank-Walter Steinmeier, e presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskyy, em Berlim, Alemanha
Presidente alemão, Frank-Walter Steinmeier, e presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskyy, em Berlim, Alemanha Direitos de autor Matthias Schrader/AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Presidente ucraniano está na Alemanha, um dia depois de Berlim anunciar o maior plano de ajuda militar do país à Ucrânia.

PUBLICIDADE

O Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelenskyy, de visita à Alemanha, classificou o país como um "verdadeiro amigo e aliado fiável" na batalha contra a Rússia.

As palavras de Zelenskyy seguiram-se ao anúncio por Berlim de um novo pacote militar alemão para Kiev.

A viagem de Zelenskyy à Alemanha segue-se a reuniões em Roma com a lídere italiana, Giorgio Meloni, e o Papa Francisco, e acontece numa altura em que Kiev está a preparar uma contra-ofensiva muito aguardada.

À chegada à Alemanha, o Presidente ucraniano foi recebido com honras militares pelo Chanceler alemão Olaf Scholz. Trata-se da primeira visita do presidente ucraniano à Alemanha desde que a invasão pela Rússia.

"Já em Berlim. Armas. Pacote poderoso. Defesa aérea. Reconstrução. UE. NATO. Segurança.+

Zelenskyy foi igualmente recebido no Castelo de Bellevue, a residência do chefe de Estado alemão, pelo Presidente Frank-Walter Steinmeier.

Após a receção, o chefe de Estado ucraniano tem na agenda encontros com o chanceler Olaf Scholz deslocando-se igualmente a Aachen para receber o Prémio Carlos Magno pelo empenho demonstrado na unificação europeia

No sábado, a Alemanha anunciou o maior plano de ajuda militar do país à Ucrânia, no valor de 2,7 mil milhões de euros, que inclui a entrega de tanques, veículos blindados e sistemas de defesa aérea.

"No momento mais difícil da história moderna da Ucrânia, a Alemanha orgulha-se de ser a nossa verdadeira amiga e aliada de confiança", escreveu Zelenskyy no livro de visitas da Presidência alemã. "Juntos venceremos e traremos a paz de volta à Europa".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Braço-de-ferro diplomático Berlim-Moscovo: Alemanha encerra quatro consulados russos

Alemanha prepara o maior pacote de sempre de ajuda militar à Ucrânia

Rússia admite recuo em Bakhmut face a avanço da Ucrânia