Zelenskyy esclarece que a Rússia ainda não ocupou Bakhmut

Yevgeny Prigozhin anunciou, este sábado, a captura da cidade de Bakhmut, no leste da Ucrânia
Yevgeny Prigozhin anunciou, este sábado, a captura da cidade de Bakhmut, no leste da Ucrânia   -  Direitos de autor  AP/PRIGOZHIN PRESS SERVICE
De  Euronews

Presidente da Ucrânia esclarece afirmação proferida horas antes quando questionado sobre anúncio da Rússia

O presidente ucraniano esclareceu as dúvidas levantadas com as suas palavras durante a manhã e sublinhou que Bakhmut não está ocupada pela Rússia.

A confusão surgiu depois de o ministério russo da Defesa fazer eco das palavras do chefe do grupo paramilitar Wagner.

Yevgeny Prigozhin anunciou no sábado, a captura da cidade de Bakhmut, no leste da Ucrânia, palco de uma batalha sangrenta há meses.

Também anunciou que o grupo vai retirar os seus membros da cidade a partir de 25 de maio, ficando à disposição para operações futuras em Moscovo.

"Até 25 de maio, examinaremos por completo Bakhmut, criaremos as linhas de defesa necessárias e deixaremos a defesa nas mãos do exército russo. Nós próprios iremos para os campos de batalha", sublinhou Prigozhin.

O anúncio do chefe do grupo Wagner coincidiu com a visita do presidente ucraniano, Volodymyr Zelenskyy, a Hiroshima, no Japão, para a cimeira do G7.

Notícias relacionadas

Hot Topic

Saiba mais sobre

Guerra Rússia-Ucrânia