Grupo russo pró-Ucrânia reivindica ataque em Belgorod

AFP
AFP Direitos de autor AFP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Região do sudoeste da Rússia foi alvo de uma incursão por parte de combatentes armados

PUBLICIDADE

A região russa de Belgorod, no sudoeste do país, foi alvo de uma incursão de combatentes armados vindos da vizinha Ucrânia.

Várias aldeias foram visadas por projéteis, que obrigaram as autoridades russas a efetuar evacuações e decretar um "regime legal de zona de operação antiterrorista", concedendo-lhes poderes reforçados para nomeadamente conduzir operações militares.

O governador da região de Belgorod disse que os combates fizeram pelo menos oito feridos entre a população civil.

A incursão foi reivindicada na rede social Telegram pela autodenominada "Legião Liberdade para a Rússia", um grupo de russos que combatem do lado da Ucrânia e que já tinha efetuado outros ataques na região.

Kiev negou qualquer responsabilidade e ligação com o grupo.

A incursão tem lugar num momento em que se prepara uma vasta contraofensiva ucraniana em resposta à invasão russa.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Rússia intensifica ataques a Kiev

Kiev: Mais de 50 ataques com drones Shahed no dia da cidade

Países Baixos assinam tratado de segurança com Kiev