EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Morte de bombeiro não está relacionada com motins em França

Macron em reunião de urgência no Palácio do Eliseu
Macron em reunião de urgência no Palácio do Eliseu Direitos de autor Mohammed Badra/AP
Direitos de autor Mohammed Badra/AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O esclarecimento foi prestado pela Procuradoria de Bobigny esta segunda-feira.

PUBLICIDADE

A morte de um bombeiro que combatia um incêndio num parque de estacionamento nos arredores de Paris não está relacionada com os motins que têm acontecido em França nas últimas noites.

A Procuradoria de Bobigny veio clarificar que não há evidências de que a morte do bombeiro tenha a ver com os distúrbios, como foi interpretado quando o ministro do Interior anunciou o sucedido.

Domingo ficou marcado pelo ataque com uma viatura contra a casa de um autarca nos arredores de Paris, que deixou a sua mulher ferida com gravidade e motivou um apelo a "uma mobilização cívica" em frente às câmaras municipais do país esta segunda-feira.

Emmanuel Macron vai receber os presidentes do Parlamento e do Senado, bem como autarcas de mais de 220 comunas afetadas pelos motins dos últimos dias em França.

A vaga de motins em França faz eco no estrangeiro e, este domingo, o chanceler alemão manifestou a sua preocupação depois de Macron adiar uma visita de Estado à Alemanha.

Olaf Scholz, chanceler alemão: "Somos bons amigos da França. Estamos em sintonia quando se trata de garantir que a União Europeia, que é tão importante para o nosso futuro comum, trabalha bem. É por isso que, claro, estamos a observar com preocupação e espero, e estou convencido, que o presidente francês vai encontrar formas de garantir que a situação melhore rapidamente."

Segundo o mais recente balanço avançado pelas autoridades francesas, a última noite de motins saldou-se em cerca de 160 detenções. A avó do adolescente alvejado por um polícia - incidente na origem nos motins - fez um apelo à calma numa entrevista televisiva.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Polícia francesa mata homem que tentava incendiar sinagoga em Rouen

Pelo menos dois guardas prisionais mortos em ataque a carrinha celular em França

França celebra o dia que marcou o fim da Segunda Guerra Mundial na Europa