EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Kiev reivindica ganhos em torno de Bakhmut

Guerra na Ucrânia
Guerra na Ucrânia Direitos de autor LIBKOS/AP
Direitos de autor LIBKOS/AP
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Por seu lado, o ministério da Defesa russo disse que "afastou com sucesso" os ataques da zona de Kupiansk

PUBLICIDADE

A Ucrânia reivindica ganhos no leste e no sul do país. O vice-ministro da Defesa anunciou na televisão que, na semana passada, o exército libertou 3 km2 de território perto de Bakhmut e que no total já foram libertados 40 km2 no flanco sul desta cidade capturada pela Rússia em maio.

Por seu lado, o Ministério da Defesa russo declarou no seu comunicado de imprensa diário que "afastou com sucesso" os ataques da zona de Kupiansk, onde tinha reivindicado ganhos na semana passada.

As forças ucranianas afirmaram que a Rússia lançou uma onda de ataques com drones e foguetes contra a cidade de Odessa durante a noite de domingo. Kiev afirmou ter intercetado os drones e os rockets, mas a queda de destroços danificou edifícios.

Este ataque noturno a Odessa acontece após um ataque mortal no sul da Ucrânia. Uma bebé de apenas 22 dias, o irmão de 12 anos e os pais estão entre as sete pessoas mortas por bombardeamentos russos na região de Kherson.

Nesta segunda-feira, a Rússia realizou o fórum militar anual e apresentou um novo míssil de fragmentação. Vladimir Putin falou com os participantes através de uma ligação vídeo. Afirmou que o fórum ajudará a reforçar a cooperação militar "em benefício da segurança e da estabilidade no mundo multipolar emergente".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ucrânia com dificuldades para reparar infraestruturas de energia devido a constantes ataques russos

Aos poucos, aldeias de Kharkiv e Zaporíjia vão sendo reconstruídas

Hospital pediátrico de Kiev reabre parcialmente uma semana após ataque da Rússia