EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Monstro de Loch Ness: Caçadores na Escócia para a maior busca de "Nessie" em meio século

Esta fotografia de arquivo sem data mostra uma forma sombria que algumas pessoas dizem ser o monstro de Loch Ness na Escócia, mais tarde desmascarado como uma farsa.
Esta fotografia de arquivo sem data mostra uma forma sombria que algumas pessoas dizem ser o monstro de Loch Ness na Escócia, mais tarde desmascarado como uma farsa. Direitos de autor AP Photo
Direitos de autor AP Photo
De  Scott Reid
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Artigo publicado originalmente em inglês

Um conto antigo encontra avanços modernos à medida que as buscas utilizam a nova tecnologia de drones subaquáticos.

PUBLICIDADE

Os caçadores de monstros estão a convergir para a Escócia à medida que se inicia a maior busca em décadas do esquivo monstro do Lago Ness.

Este fim de semana, o Loch Ness Centre e uma equipa de investigação voluntária chamada Loch Ness Exploration esperam que uma nova geração se envolva na caça ao Nessie.

Espera-se que esta seja a maior busca desde que o Gabinete de Investigação do Lago Ness estudou o lago em 1972.

A nova tecnologia estará na linha da frente da busca. Drones térmicos produzirão imagens da água a partir do ar utilizando câmaras de infravermelhos e um hidrofone será utilizado para detetar quaisquer "chamamentos semelhantes aos de Nessie".

Os voluntários participarão numa vigilância do Lago, mantendo-se atentos a ruturas na água e a movimentos inesperados.

"Somos os guardiões desta história única e, para além de investirmos na criação de uma experiência inesquecível para os visitantes, estamos empenhados em ajudar a prosseguir a busca e a desvendar os mistérios que se escondem sob as águas do famoso Loch", afirmou Paul Nixon, Diretor-Geral do Loch Ness Centre.

"O fim de semana dá-nos a oportunidade de procurar nas águas de uma forma que nunca foi feita antes, e mal podemos esperar para ver o que vamos encontrar", sublinhou.

Andy Buchanan / AFP
Light clouds cover the sky above Loch Ness.Andy Buchanan / AFP

A história

A primeira menção de um estranho monstro aquático no Loch Ness aparece num texto antigo do século VI d.C..

O texto descreve um encontro do monge irlandês São Columba, que se encontrava perto da foz do rioNess.

Um companheiro foi enviado para testar as águas e, ao ver o monstro, segundo a história, Columba fez o sinal da cruz e baniu-o para o Loch Ness.

A história atraiu mais atenção local em 1933, quando o Inverness Courier publicou uma notícia sobre o avistamento de um monstro.

Em 1934, apareceu a fotografia na qual a maioria das pessoas pensa quando se trata de Nessie, que supostamente mostrava a cabeça e o pescoço do monstro. Décadas mais tarde, foi dito que se tratava de um embuste.

No entanto, a lenda de Nessie continuou a existir e tem sido um benefício económico para as cidades vizinhas do lago.

Em 2012, a BBC noticiou que Nessie valia cerca de 29 milhões de euros para a economia local.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Jovem de 13 anos morre após ataque com espada em Londres

Primeiro-ministro da Escócia demite-se

Sunak anuncia: voos de deportação do Reino Unido para o Ruanda devem começar dentro de poucos meses