EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Autoridades palestinianas alertam para hospitais sobrelotados em Gaza

Familiares carregam corpos da família Zanoun, morta durante um ataque aéreo de Israel ao campo de refugiados de Rafah
Familiares carregam corpos da família Zanoun, morta durante um ataque aéreo de Israel ao campo de refugiados de Rafah Direitos de autor Hatem Ali/Copyright 2023 The AP. All rights reserved.
Direitos de autor Hatem Ali/Copyright 2023 The AP. All rights reserved.
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Instalações são insuficientes para receber crescente número de mortos e feridos, após retaliação de Israel.

PUBLICIDADE

A violência da resposta de Israel ao ataque realizado este sábado pelo Hamas é passível de ser medida a cada esquina da Faixa de Gaza. A noite pautada por centenas de bombardeamentos voltou a fazer aumentar os números de mortos e feridos na região de pouco mais de 2 milhões de habitantes.

Nos hospitais, não há mãos a medir para atender os feridos que chegam de todo o território, mas começa também a haver falta de espaço para acolher os mortos.

Ashraf al-Qedrah, porta-voz do Ministério da Saúde de Gaza, relata "uma sobrelotação significativa em todos os hospitais" locais, "devido ao grande número de vítimas provenientes de todas as áreas visadas em Gaza, além do número crescente de mártires nos hospitais". 

As autoridades estão também a registar "agora um claro congestionamento nos frigoríficos da morgue“.

Em 48 horas, o conflito tinha já feito, de acordo com a ONU, 123 mil deslocados na Faixa de Gaza. Muitos foram abrigados em escolas administradas pelo organismo mundial, mas um teto será insuficiente para proteger civis do impacto da guerra.

O ministro israelita da Defesa anunciou esta segunda-feira um cerco total ao território controlado pelo Hamas, deixando o enclave sem acesso a eletricidade, comida e combustível.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Hamas promete executar reféns por cada ataque israelita

Israel-Gaza: o impacto global da escalada do conflito

ONU diz que já recebeu mais de 20.000 refugiados palestinianos nas suas escolas em Gaza