EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Biden e Xi Jinping assinalam progressos nas relações bilaterais

AP
AP Direitos de autor Doug Mills/New York Times/AP
Direitos de autor Doug Mills/New York Times/AP
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Presidentes dos EUA e China fazem balanço positivo do encontro, mas divergências são ainda evidentes nas relações bilaterais

PUBLICIDADE

O Presidente dos Estados Unidos diz que foram dados passos concretos e se registaram progressos no diálogo de quatro horas com o homólogo chinês Xi Jinping.

O objetivo do encontro de alto nível, à margem da cimeira da APEC, era estabilizar as relações que se deterioraram nos últimos anos.

Joe Biden disse mais tarde aos jornalistas que os dois países iriam reabrir nomeadamente os canais de comunicação militar.

Joe Biden, Presidente dos EUA:"E nos próximos meses, vamos continuar a preservar e a prosseguir a diplomacia de alto nível com a China em ambas as direcções, para manter as linhas de comunicação abertas, incluindo entre o Presidente Xi e eu. Ele e eu concordámos que cada um de nós pode pegar no telefone, ligar diretamente e será ouvido imediatamente."

Taiwan continua a ser um ponto de divergência: o presidente chinês afirmou que a reunificação com a ilha é "imparável".

Também foi sublinhada a atenção particular necessária nas questões de comércio e a concorrência económica.

Joe Biden, presidente dos EUA:"Salientei também a importância da paz e da estabilidade no Estreito de Taiwan. É evidente que nos opomos às práticas e desvantagens económicas não mercantis de Pequim - que prejudicam as empresas e os trabalhadores americanos. E que continuaremos a abordá-las."

Embora as divergências tenham sido evidentes em vários domínios, ambos os líderes reconheceram a importância das relações bilaterais. 

Durante o encontro, o presidente chinês terá afirmado que "o planeta Terra é suficientemente grande para que os dois países tenham sucesso".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Trump aceita nomeação para corrida presidencial e cita Orbán no discurso

J.D. Vance aceitou nomeação do Partido Republicano para a vice-presidência de Trump

Biden infetado com covid-19 suspende ações de campanha