UE mais próxima de ter primeiro regulamento do mundo sobre Inteligência Artificial

Cabeça metálica feita de peças de motor simboliza a inteligência artificial.
Cabeça metálica feita de peças de motor simboliza a inteligência artificial. Direitos de autor Martin Meissner/2019
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Após mais de 33 horas de negociações, União Europeia está mais próxima de fazer história na regulamentação da Inteligência Artificial.

PUBLICIDADE

Os delegados da União Europeia chegaram a acordo sobre o que se tornará o primeiro regulamento governamental do mundo sobre a Inteligência Artificial (IA).

"Tínhamos um objetivo: apresentar uma legislação que garantisse que o ecossistema da IA na Europa se desenvolve com uma abordagem centrada no ser humano, respeitando os direitos fundamentais e os valores europeus", disse Brando Benifei, co-relator da lei da IA.

O projeto tem ainda de ser aprovado pelo Parlamento Europeu.

Na proposta de lei, o reconhecimento facial é permitido, mas altamente restringido. As empresas que violarem as limitações enfrentarão multas proporcionais a uma boa parte do seu rendimento global. 

Os criadores de sistemas como o ChatGPT terão de enfrentar investigações de transparência, "mostrar que o conteúdo é gerado por IA" e "prevenir que o modelo crie conteúdo ilegal".

Os negociadores esperam ter conseguido alcançar o equilíbrio "entre proteção e inovação".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

A ascensão do chatbot Hitler: Será a Europa capaz de impedir a radicalização da extrema-direita através da IA?

Poderá a vigilância em massa aumentar na UE por causa da IA?

Reguladores europeus examinam investimento da Microsoft na OpenAI